Yves Saint Laurent: sua trajetória

Falar sobre a história da moda é lembrar o sucesso de Yves Saint Laurent, um dos nomes mais importantes da alta costura do século XX. Nascido no dia 1º de agosto de 1936 em Orã, na Argélia, Saint Laurent demonstrou interesse pela moda desde criança, quando criava bonecas de papel. Já na adolescência, ele desenhava vestidos para sua mãe e as duas irmãs.

Aos 17 anos Saint Laurent se mudou para Paris para estudar moda na École de la Chambre Syndicale de la Haute Couture. Extremamente talentoso, ele se inscreveu num concurso em 1954 ganhando o prêmio principal e impressionando o editor da revista Vogue, Michel de Brunhoff.
Com a notoriedade do prêmio e o talento demonstrado tão prematuro, Christian Dior convida Saint Laurent para trabalhar com ele. Após a súbita morte de Dior em 1957, Saint Laurent é escolhido para assumir a alta costura da casa Dior, uma responsabilidade imensa pois a maison estava com problemas financeiros na época. A coleção de primavera de 1958 foi um grande sucesso e levou Saint Laurent para o estrelato internacional com o famoso "vestido trapézio", de ombros estreitos e saia evasê - que se tornou um clássico na época.
Em 1960, Saint Laurent foi convocado pelo exército francês para servir na guerra da Argélia. Após 20 dias, ele foi internado em um hospital para tratamento psiquiátrico depois de sofrer preconceito de outros soldados. Após sair da Guerra em 1961 ele lança sua própria maison numa parceria com Pierre Bergé, que se tornou seu companheiro por anos.
Nos anos 60 e 70, a marca se tornou famosa em todo o mundo por sua sofisticação. Saint Laurent contribuiu para formatar e solidificar a moda unisex com o lançamento do smocking feminino. Com isso, ele ajuda a difundir a proposta do unisex na alta costura, permitindo dali em diante que as mulheres usassem calças compridas. Saint Laurent transformou o blazer, o casaquinho de marinheiro e o vestido-camisa em itens clássicos do guarda-roupa feminino.
Segundo João Braga, professor de história da moda e escritor do livro "Um século de Moda", Saint Laurent ousou e transgrediu em uma série de quesitos. "Ele sempre foi um transgressor, uma das grandes contribuições era sempre estar além de seu próprio tempo. Saint Laurent não seguia um ar de um tempo, ele ajudava a definir um novo ar de um tempo" , enfatiza o historiador.
O interesse de Saint Laurent pela arte foi transmitido no icônico vestido Mondrian. Lançado em 1965, o vestido em jérsei branco de silhueta reta com linhas verticais e horizontais pretas e espaços com as cores primárias homenageava Piet Mondrian, um importante pintor holandês. Saint Laurent sempre foi um inovador, sempre revolucionando a moda. Em 1966, ele foi o pioneiro ao abrir uma butique prêt-à-porter, a YSL Rive Gauche. O designer foi também o primeiro estilista do mundo a usar manequins negras em desfiles de moda.
A carreira de Saint Laurent inclui diversos momentos controversos, por exemplo, quando ele mesmo pousou nu para o lançamento de um perfume, uma atitute muito ousada para a época. A fragrância Opium lançada em 1977 também causou polêmica, pois muitos alegaram que fazia apologia as drogas. "Houve um desconforto muito grande, especialmente pelos chineses que até boicotaram a empresa que produziu o perfume devido ao nome escolhido" disse Braga.
Com mais de 40 anos de carreira, ele decidiu se afastar do mundo da moda em janeiro de 2002, quando fez um desfile com a retrospectiva de suas roupas. E foi assim durante toda sua trajetória, fez mais de 80 coleções de alta costura, sempre inovando e incluindo a arte em suas criações. O estilista faleceu em 1º de junho de 2008 em decorrência de um câncer cerebral.
Já dizia Pierre Bergé, seu parceiro e sócio por anos "Chanel deu liberdade às mulheres. Yves Saint Laurent lhes deu poder". 

Fonte: Yahoo

Beijos, amores!!! E sigam nosso instagram!!!!

Vídeos do blog

Criamos mais um canal de comunicação com nossos leitores!!!!
Nosso canal do Youtube está no ar, e o primeiro vídeo de teste é com um resumo de 2 semanas atrás!!!!
Alguns vídeos serão colocados aqui no blog, outros somente no canal. Então, siga-nos!!!!!!



Beijos, amores!!! Quero trazer muitas coisas bacanas para vocês!!

|Evento| Simpósio Internacional sobre Inclusão de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho


Dias 24 e 25 de abril o encontro reunirá membros do 
Ministério Público, especialistas, instituições da sociedade civil e do setor empresarial

Estão abertas as inscrições para o Simpósio Internacional sobre Inclusão de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho, que a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), por meio de seu Grupo de Trabalho Inclusão da Pessoa com Deficiência, promove nos dias 24 e 25 de abril, em Brasília. As inscrições gratuitas podem ser feitas até 22 de abril, no site da Fundação Procurador Pedro Jorge, apoiadora da atividade: www.fundacaopedrojorge.org.br/wordpress/

O evento contará com membros do Ministério Público, além de representantes de instituições governamentais, especialistas, organizações da sociedade civil e do setor empresarial. A proposta é oferecer uma oportunidade de diálogo e troca de informações acerca de mecanismos para assegurar a efetiva implementação da garantia constitucional de inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho,tanto no âmbito do poder público, quanto da iniciativa privada.
Na oportunidade será apresentada a experiência desenvolvida pela Defensoría del Pueblo da Bolívia, que criou um observatório para acompanhar a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho naquele país.
A atividade conta ainda com quatro painéis de debate, que colocarão em pauta temas como: O Cumprimento das Cotas Destinadas à Pessoas com Deficiência em Empresas – definição de estratégias de atuação; Acessibilidade em Exames e Concursos Públicos; A Pessoa com Deficiência no Ambiente de Trabalho, além de Reserva de Vagas para Pessoas com Deficiência em Concursos Públicos, que trará estudos de casos e análise da jurisprudência na área.
Entre os convidados, instituições como a Organização Internacional do Trabalho (OIT), o Ministério da Educação (MEC), a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, o Instituto Brasileiro dos Direitos da Pessoa com Deficiência, a Escola de Gente e o Tribunal Regional do Trabalho do Paraná.
O evento contará com a participação do procurador federal dos Direitos do Cidadão, Aurélio Rios, do procurador-geral do Trabalho, Luís Antônio Camargo, e do presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade) e da Secretaria Nacional de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Antônio José Ferreira.

Simpósio Internacional sobre Inclusão de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho
QUANDO: 24 e 25 de abril de 2014
ONDE: Hotel Royal Tulip, Brasília/DF
QUEM PARTICIPA: membros do Ministério Público, especialistas, sociedade civil, setor empresarial e instituições do poder público
INSCRIÇÕES: gratuitas, até 22 de abril de 2014
Programação completa e mais informações em:
www.fundacaopedrojorge.org.br/wordpress/



PROGRAMAÇÃO
1º DIA | 24 DE ABRIL
MANHÃ: 
8h30 – CREDENCIAMENTO
9h às 9h30 – ABERTURA
9h30 às 11h – PALESTRA DE ABERTURA: A Inclusão Social das Pessoas com Deficiência.               
• Rolando Villena Villegas - Defensor Del Pueblo da Bolivia
• Cláudia Werneck -  representante da ONG Escola de Gente 
11h às 12h – Painel 1: Reserva de vagas para pessoas com deficiência em concursos públicos. Estudos de casos e análise da jurisprudência.
Palestrantes: 
• Ricardo Tadeu Fonseca, Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná
• Eugênia Augusta Gonzaga – Procuradora Regional da República da 3ª Região 
Mediador:  Analucia Hartmann – membro do GT Inclusão/PFDC,  Procuradora da República
Relator:  Felipe Fritz – membro do GT Inclusão/PFDC,  Procurador da República
12h às 12h30 – Debate 
12h30 às 14h – Almoço

TARDE:

14h às 15h – Painel 2: Cumprimento das cotas destinadas a pessoas com deficiência nas empresas (aplicação da Lei n. 8.213/91). Definição de estratégias de atuação.

Palestrantes:

Patrícia Siqueira Silveira – Coordenadora Regional do Projeto de Fiscalização para a Inserção de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho do Estado de Minas Gerais e Auditora-Fiscal do Trabalho
Tereza Costa, representante do Instituto Brasileiro dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Mediador: Renata Coelho Vieira –membro do Ministério Público do Trabalho, Procuradora do Trabalho
Relator: Júlio Schwonke –membro do GT Inclusão/PFDC , Procurador da República
15h às 15h30 - Debate 
15h30 hs às 15h45 – Intervalo
15h45 às 16h45 – Painel 3: Acessibilidade em exames e concursos públicos.

Palestrantes:
•  Representante do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - INEP/Enem (a confirmar)
• Representante da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República - SDH/PR (a confirmar)
Mediador:  Peterson Pereira, membro do MPF,  Procurador da República (a confirmar)
Relator:Marcia Morgado –membro do GT Inclusão/PFDC,  Procuradora Regional da República
16h45  às 17h15 – Debate 
17h15 – Coquetel e apresentação cultural: Grupo de Choro


2º DIA | 25 DE ABRIL

MANHÃ: 

9h às 10h – Painel 4:  A pessoa com deficiência no ambiente de trabalho

Palestrantes:
• Deise Fernandes, representante da sociedade civil
• Ana Lúcia Monteiro, representante 
da Organização Internacional do Trabalho – OIT 
(a confirmar)
• Suzana Dalet ,consultora da área de Gestão de Acessibilidade da SDH,
Mediador: Cláudio Drewes, membro do GT Inclusão/PFDC, Procurador da República
Relator: Fabiano de Moraes, membro do GT Inclusão/PFDC, Procurador da República
10h às 10h30  -Debates
10h30 às 12h30 – Formação de grupos de trabalho, sob a coordenação de cada relator, e debates dos seguintes pontos: 
Grupo I – Reserva de vagas em concursos públicos
Grupo II – Cotas em empresas
Grupo III - Acessibilidade em exames e concursos públicos.
Grupo IV - A pessoa com deficiência no ambiente de trabalho.
12h30 às 14h - Almoço

TARDE: 
14h às 16h - Plenária
Coordenação: Analucia Hartmann – Procuradora da República
14h às 15h  - Apresentação das propostas dos grupos 
(15 minutos para cada)
15h às 16h - Consolidação dos trabalhos
16h – Encerramento


Assessoria de imprensa
Amanda Guerra – amandaguerra@gmail.com (61) 7814 5154
Charlotte Vilela - m.charlotte@uol.com.br (61) 8151 2400
 



Desejamos sucesso a todos, e reforço o convite a todos os empreendedores do DF. 
Não percam esta oportunidade!
-- 

Roupas: o que evitar no local de trabalho


Todos os dias a rotina é a mesma: levantar, tomar banho e escolher a roupa para se vestir. Uma decisão que pode ser fácil ou demorar tempo precioso na correria da manhã. Pode até ser que você esteja acostumada, mas muitas vezes as tendências de moda acabam atrapalhando. As imagens que ilustram este post são as mais adequadas (conforme a nossa opinião, ok?).




Transparência, rendas, decotes, alcinha à mostra, saltões, perfume forte, shorts, vestidos curtos, pulseiras mil, unhas enormes estão entre os itens que devem ser evitados no escritório. Claro que tudo depende de sua profissão, mas o senso comum pede que não façam parte do dresscode profissional, porque nem sempre são sinônimos de elegância e de bom gosto. 




Por outro lado, há algumas dicas que podem ajudar na hora de usar as tendências, mas com moderação. Veja abaixo:

Transparência 

Camisas e blusas transparentes e peças com tule ilusion estão em alta, mas no trabalho entram apenas com algumas ressalvas. Não dá para usar a transparência com tops e sutiãs, deixando pele à mostra. Mas uma camisa ou blusa transparente podem vir por cima de uma camisete ou de uma regata bacana. Só atenção para que não haja necessidade de ficar apenas com a peça de baixo. Nem todas as firmas aceitam blusas de alcinha. O tule ilusion ou outros tecidos transparentes podem surgir também em detalhes discretos, nos ombros, nas mangas ou em lugares que não comprometam.

Renda

A mesma regra vale para rendas. Evite peças inteiras rendadas, como um vestido. Estão em alta na moda e podem ser superchiques, mas costumam ser peças para festas ou baladas. O melhor é optar por uma saia, uma blusa ou detalhes aplicados. Certifique-se de que há forro ou use uma regata por baixo. Se escolher uma peça com detalhes, tenha certeza de que o vazado do tecido seja discreto e que esteja em locais não comprometedores.

Decotes

Ok, você gosta de se vestir com sensualidade nas baladas. Para isso, os decotões são um bom aliado, mas o exagero não é legal muitas vezes já fora do ambiente profissional. Imagine então ao lado de seus colegas de trabalho. Um decote V que chegue acima do meio dos seios ou um decote U que pare no máximo por aí também estão entre as opções. Camisa com apenas um ou dois botões abertos (depende da distância entre eles) é peça que garante bem-estar o dia todo. Aposte.

Alcinhas

Elegância profissional passa longe das alcinhas de sutiã à mostra. Podem aparecer em looks de jovens que ainda não saíram dos bancos escolares. Há quem não ligue, porque a moda está democrática, mas não pega bem, mesmo se forem aquelas bonitinhas, de rendinha. E se ainda possui as de silicone, esqueça, jogue fora.

Salto

Os medianos, mais grossinhos, além de elegantes, são confortáveis. Os saltos muito altos, além de fazerem toc-toc-toc para lá e para cá, podem incomodar na postura e no conforto se usados o dia todo. Mas se você adora saltão, evite os tipo agulha ou as plataformas altíssimas. Opte por modelos confortáveis e discretos. 

Shorts e bermudas

A menos que você seja esportista, professora de educação física, personal trainer ou tenha um trabalho superinformal, os shorts devem ser evitados. Sobre as bermudas... Vai muito do tipo de lugar. Uma empresa ligada a internet, redes sociais, agências publicitárias, por exemplo, até permite. Para as mulheres mais formais, existem alguns modelos com corte de alfaiataria que deixam o visual impecável, mas vai da firma também.

Vestidos curtos

Vai uma regrinha simples. O comprimento aceito é de até quatro dedos acima do joelhos (quatro dedos fechados, viu?). Mais que isso, é perigoso. Para se certificar, fique atenta. Vista a roupa e sente na frente do espelho, cruze as pernas. Dependendo do corte e do tecido, ao sentar, uma peça pode subir mais que outra. Fica a dica: a saia-lápis está na moda e é uma peça que fica legal bem com complementos mais sérios ou mais despojados.

Acessórios

A moda pede maxibrincos, muitas pulseiras, colares grandões. Mas no trabalho e também fora dele, tudo junto não dá. Se vestir uma peça básica, até pode encarar um brincão ou (disse OU e não E) um colar poderoso, mas não exagerado no período de trabalho. Muitas pulseiras juntas podem atrapalhar seu coleguinha ao lado.

Perfume forte

Esse tema é complicado. E mais do que moda, passa pelo seara da etiqueta. Não dá para se banhar de perfume no ambiente de trabalho. É uma questão de respeito a quem trabalha no ambiente. E, para piorar, quem costuma exceder o limite são as pessoas que gostam de perfumes bem fortes. Imagine um companheiro alérgico? Mais do que incomodar, pode se tornar uma questão de saúde. Há cremes e fragrâncias delicadas. Basta um pouco e pronto. E não precisa ficar repassando a toda hora.


Unhas
Esmaltes muito fortes também devem ser usados com moderação. O uso vai depender do ambiente e geralmente não são tão aceitos. Agora, unhas enormes, daquelas que fazem curva, além de desenhinhos, florzinhas, listras etc. devem ser evitados a qualquer custo. Mais uma dica: antes unha lixada e sem esmalte, do que unha com esmalte saindo. Fonte: Terra

Nada melhor que o comprometimento com o trabalho!! Com certeza o sucesso será visto e elogiado por todos!!
Abraços e uma ótima semana!!


|Gestão|Atraia o seu público-alvo no mundo on line

Há uma grande diferença entre visitantes e clientes. É o que explica o empreendedor canadense Matthew Toren, em post para o site entrepreneur.com.

Segundo ele, a lógica é simples: Você prefere que o site da sua empresa (ou startup) tenha 10 mil visitantes mensais com uma taxa de conversão de vendas de 10% ou que ele atraia 100 mil usuários, dos quais apenas alguns resolvem comprar algo?

Essa questão, por mais simples que seja, permanece uma grande fonte de frustração para muitos empreendedores online. Frequentemente, eles investem muito tempo, energia e dinheiro para direcionar fluxo para seus sites, apenas para descobrir que as pessoas atraídas não são o público-alvo da marca.


Como, então, evitar as armadilhas da geração de fluxo sem objetivo? Toren oferece cinco dicas:

1. Seja um solucionador de problemas. É inegável que parte do sucesso de um negócio vem de um bom timing dos seus produtos ou serviços. Você precisa atender às necessidades das pessoas. O segredo é achar um negócio que tenha problemas que você realmente goste de solucionar, com clientes cujas necessidades você é ótimo em atender. Quando você consegue identificar o seu nicho, o seu objetivo foge de apenas ganhar dinheiro e passa a ser a prática de uma paixão única que oferece soluções para as necessidades daquelas pessoas.

2. Entre na mente do seu cliente. As pessoas não fazem compras apenas porque precisam de coisas, e sim para satisfazer algo mais profundo dentro de si. Geralmente, é o sentimento que um consumidor associa ao produto que faz com que decida ou não fazer a compra. Todo mundo precisa de um par de sapato, mas não é qualquer sapato que saciará esta necessidade. É aqui que entram o branding, a reputação e o serviço ao consumidor. Na realidade, é esta a motivação da existência do marketing. Descubra o que interessa e anima o seu público-alvo. Esta é a única maneira de fazer uma campanha publicitária na medida para aquelas pessoas que não pensariam duas vezes para comprar o que você estiver oferecendo.

3. Onde estão os seus clientes? No marketing online, determinar como o seu mercado interage com a internet é de extrema importância, pois revela “onde” os seus clientes estão dentro da rede. O comportamento online pode indicar quais sites eles frequentam, as redes sociais que preferem etc. Uma vez que você sabe onde encontrar o seu público-alvo, pode focar nos locais em que é preciso uma presença forte. Isso assegura movimento na direção de clientes que estarão prontos para receber o seu produto, e impede que você perca o seu tempo com tentativas frustradas, que são caras e ocupam muito tempo.

4. Você realmente conhece os seus clientes? Para descobrir de fato quem são seus consumidores potenciais, é necessário pesquisar a fundo. O importante é aprender sobre eles e até mudar com eles. Descubra quais livros leem e onde fazem compras. Se você usar tempo para acumular este tipo de informação, você conseguirá ter uma ideia mais nítida de quem é o seu consumidor.

5. Feche o negócio. Ao conhecer os seus consumidores e entender onde estão e como pensam, você pode projetar uma campanha de marketing online que tenha apelo especial para as pessoas a quem você quer vender a sua marca. Se você for um solucionador de problemas, você é forçado a se conhecer melhor e saber quais são os pontos fortes e fracos da sua marca. Porém, entender com quem você quer interagir online é o que determina o sucesso do negócio.

Siga nosso instagram e facebook!!

Uma semana repleta de sucesso para todos nós!!

Ser adequado é elegante!

"Elegância é adequação - ao seu corpo, à sua personalidade, ao seu estilo de vida, à sua idade, à sua profissão, à sua casa, aos seus interlocutores, ao seu jeito de ser. Nada mais elegante que uma mulher alinhadíssima - na roupa, nos movimentos, no jeito de se dirigir ao outro."
Constanza Pascolato

Olá amores!!! Este post é para nos lembrar da importância da elegância no nosso dia a dia, e para dizer que estamos de férias!!!! 

Vou tentar voltar ao blog sempre que der durante este mês, mas temos algumas postagens programadas para você, que é sempre bem vindo neste espaço feito com muito amor. 
Estaremos sempre no nosso insta - com tendências da primavera dos EUA!!!! Segue a gente: Moda e Gestão!!!

Beijos e um ótimo domingo!

Esmalte da Semana: Kiko Multi Effects 2 em 1 na Luxomania

Olá queridos!!!
Escolhi uma cor linda e clara para este final de semana: um nude com o glitter de brilho rosinha, super "meigo"- com um toque de luxo - da marca Kiko. Secagem super rápida e textura ótima.






A embalagem é uma fofura:







Tratamento de princesa na Luxomania:



Esta é uma cor super adequada para ambientes formais, para quem trabalha diretamente com o público. 

E, como vocês sabem, o blog é parceiro da esmalteria mais charmosa da cidade: Luxomania!! Tem muitos esmaltes, fico até sem saber o que escolher!! Nacionais e importados, tudo perfeito!!

E, claro, o melhor espumante!!
Beijos e uma ótima sexta!!!

Shopping Vitrinni - Águas Claras
Fanpage: Luxomania
Instagram: Luxomania

Contato: 61 3526-6447 / 61 3702-6447

História da Vitrine

A vitrine é uma grande ferramenta de comunicação, responsável por 70% das vendas de uma loja. Ela é o “vendedor silencioso”, o cartão de visita e o agente formador da imagem de uma marca.

Sua historia inicia-se no Império Romano no século II, com a construção do Mercado de Trajano no reinado de Trajano.  O complexo comercial possuía seis andares com 150 lojas  organizadas a partir dos produtos que vendiam. Digamos que teria sido o primeiro modelo de Shopping Center que temos hoje.

  
(à dir.) Uma pequena parte do interior do famoso Mercado de Trajano e 
(à esq.) o Mercado de Trajano – quase dois mil anos de história

Com o fim do Império Romano e a chegada da Idade Media as lojas praticamente desapareceram, e o comércio de produtos passou a ser feito em feiras ao ar livre. Com o advento da Renascença houve o ressurgimento das lojas devido ao Mercantilismo. Mais a frente com a Revolução Industrial (século XIX) começaram a aparecer por toda a Europa espaços na parte frontal das lojas onde joalheiros e artesãos expunham seus produtos.  A partir daí, termos como vitrine, decoração, manequins começam a surgir e o formato das vitrines começa a evoluir.

Em 1850 aparecem as primeiras “bonecas de moda”, feitas em porcelana e couro. Elas desapareceram quando os manequins, simulando figuras humanas, tomaram o seus lugares. Foi no período da Rainha Vitoria (1832-1895) que surgiram as vitrines como são hoje: janelas mostrando a mercadoria ao público passante.

Loja Bonequinha de Luxo- Bom Retiro-SP

A partir de 1852 apareceram as primeiras lojas de departamentos em Paris, com as vitrines chegando ao nível da rua. E a partir desse momento as pessoas saiam de casa para apreciar as vitrines (o ato do flâneur), exatamente como nos dias de hoje. Os manequins eram feitos com mais de 100 quilos de cera, no verão derretiam e no inverno rachavam.      

Atribui-se a França a evolução da vitrine, inclusive o nome vitrine é francês (em português o correto é vitrina).  Devido a Revolução Industrial, a produção em massa tomou conta do mercado e as pessoas passaram a ter opções de marca e modelagem para decidir na hora da compra, com isso a vitrine começa a ser extremamente importante para as vendas.

Na virada para o terceiro milênio, muitas lojas passam a explorar as vitrines como obra de arte para conceituar a imagem de sua marca e usam a tecnologia como um diferencial para atrair a atenção dos seus clientes.                                                                                                                                           
                            Vitrine H&M                                                   Vitrine Gucci

Além de produtos e ofertas, elas exibem mudanças de costumes, avanços da tecnologia e reflexo do tempo em que se vive. É o principal elo entre lojistas e consumidor, é através dela que o consumidor decide conhecer melhor no interior da loja um produto que lhe interessou, ou a atmosfera de uma marca. Por isso, deve ser planejada cuidadosamente para seduzir o cliente e convence-lo de que a loja tem algo a lhe oferecer.       
  
Vitrine TOP MAN
  
Uma vez dentro da loja, o cliente já esta fazendo cálculos de quanto dinheiro pode disponibilizar para aquele fim.  Devemos pensar na vitrine como um portal que se separa o dia a dia do cliente, suas preocupações e rotina, do fantástico universo da marca. Se esse portal parecer convidativo, oferecendo alguns minutos de fuga do mundo real, será praticamente irresistível.

Texto por Lilian Monteiro e colunista do MMdaMODA. 

Beleza: Resultados do tratamento com Manthus

A perseverança leva à satisfação. 
É com esta frase que quero começar este post! 
Sempre relutei em fazer alguns tratamentos de beleza com o receio de que não dariam resultados. A convite da Katia, fiz um tratamento de Manthus, endermologia e massagem modeladora, 10 sessões, 2 por semana, antes de uma viagem em fevereiro. O mínimo que perdi foram 4 cm em cada região (algumas até 8). Quero mostrar nas fotos o resultado: 







Claro que depende de cada uma de nós e da competência do profissional, até porque o toque profissional é que fará a diferença. Ela diz qual a região mais afetada pela gordura e foca o trabalho nela, ou, como no meu caso, alternamos as regiões trabalhadas. 
Onde percebi maior diferença é nesta região abdominal e nas costas, que, sendo bem sincera, são as piores partes para quem quer emagrecer / reduzir medidas.

E quero falar um pouco do meu projeto pessoal de emagrecimento:
Em Maio de 2013 resolvi mudar, e desde então faço dieta e treino com acompanhamento profissional. Achei perfeita a junção dos dois com tratamentos estéticos: o resultado é bem mais rápido!

Faço um convite a quem tiver interesse em conhecer a clínica e todos os tratamentos que ela oferece: fica em Águas Claras, um ambiente super bacana e com os melhores produtos!
Ah, e já falei aqui sobre a máscara de ouro que amei fazer!!!!
E você, já fez tratamentos de estética? Conta a sua experiência pra gente!!!!!

 
Kátia Simone Clínica de Estética
Ed. Alfa Mix- Quadra 204 Lote 2 Bloco A Sala 311
Agendamentos: 61 3435-3083
contato@katiasimone.com.br




Paleta Gli Ombretti Bellaoggi - Hinode


Olá meninas!!!! Hoje quero mostrar uma novidade que estou usando há 1 mês: esta paleta Bellaoggi, marca italiana distribuída pela empresa Hinode.

Vou falar um pouco sobre a empresa, pois achei fantástica a sua história!

Fundamentada em um SONHO de uma vida melhor, a HINODE foi fundada em 1988 pelos empreendedores Adelaide Garcia e Francisco Rodrigues. 
Empreendedores, eles acreditavam que através dessa empresa garantiriam uma vida melhor para sua família e para todas as pessoas que estivessem verdadeiramente envolvidas. Hinode é uma palavra mais que perfeita para ser harmonizada com princípios de beleza. Afinal, na sempre intensa e profunda cultura japonesa, ela é a tradução de um momento mágico para o ser humano.Inspirada na cultura oriental japonesa, a palavra Hinode significa Sol Nascente: "O Primeiro Raio de Sol do Primeiro Dia do Ano", quando a Família se reúne para agradecer o ano que passou e pedir saúde, paz e prosperidade para o ano que se inicia.Assim, literalmente, Hinode é a primeira expressão de beleza que a natureza envia aos mais de 6 bilhões de habitantes do planeta Terra.A cada primeiro raio de Sol do dia renova-se a vontade do ser humano de viver cada dia melhor num mundo melhor.Para a empresa, mais do que comercializar o melhor cosmético e oferecer o melhor modelo comercial, a Hinode constituiu-se como uma empresa de relacionamentos humana e realizadora de sonhos. "Nossa Missão é oferecer às pessoas a oportunidade para mudar de vida."

A paleta é uma mistura fantástica de cores essenciais, inclusive para mulheres que ficam o dia inteiro fora, super dinâmicas e que precisam de cores sóbrias e formais no look. Textura ótima, não acumula nas pálpebras e a cobertura é perfeita. Recomendo e com certeza quero todas as cores!!!

E eu uso assim:




Recebi da Carla Regina, representante da marca, que nos enviou alguns produtos da marca, que em breve mostro aqui no blog!!! A fanpage tem muitas dicas bacanas, além de todos os produtos da marca!!! 

Quem já usou? 
Conta pra gente!!!

Look do dia: Calça flare

Olá queridos!!!! 
Já usei outra vez esta calça, mas agora com uma nova proposta: uma camisa de seda para o almoço de negócios do Grupo G15.
A calça flare estampada tem que ser usada com a modelagem e o comprimento certos. Para o trabalho, use um terninho para deixar um look mais elegante (eu estava com o meu, mas tirei na hora da foto!). O tecido contribui para deixar o look mais harmonioso. O que estou usando é neoprene, que não marca (ainda estou no meu processo de emagrecimento - em maio contarei tudo aqui!!!) e aperta bem.


No Le Jardin Club du Golf






E o look para o nosso instagram!!! 
Calça da minha loja 
Camisa comprada nos EUA


 Detalhes do almoço:


O blog é parceiro do Grupo G15, o maior grupo de network do DF. Caso tenha interesse em conhecer e ir conosco aos próximos encontros, envie e-mail para dariane.vale@fashionandmanagement.com. Será um prazer ter você ou sua empresa conosco!
Pode acreditar: o network fará uma grande diferença na evolução do seu negócio!!!!

Abraços!!!! E siga nossas redes sociais!!
Facebook
Instagram