Conhecendo a Casa Cor 2018

21 de out de 2018


Conhecendo a Casa Cor 2018

A CASACOR Brasília está sendo realizada na Casa da Manchete, um projeto de Oscar Niemeyer, que abrigou a extinta TV Manchete no passado. Localizada no Setor de Indústrias Gráficas, a construção possui três alas que contornam o pátio central, em formato de “U”, e que, no período de 12 de setembro a 30 de outubro, sediará o maior evento de arquitetura e decoração do País. Em sua 27ª edição, a mostra conta com grandes nomes do segmento na cidade. 
Conheci a mostra a convite da Andre Lima, organizadora do desfile de Pets que ocorreu no sábado, dia 13 de outubro.

Conhecendo a Casa Cor 2018

Entre eles, o escritório Kramer Arquitetura/Obras 360 º, especializado em arquitetura e construções, que faz sua estreia no evento.  Rosana Kramer e Lucas Kramer assinam o Living e utilizam referências do tema de 2018, a Casa Viva.

Conhecendo a Casa Cor 2018

Desenvolvido em 45 m2, o ambiente rústico acompanha as mais modernas inspirações apresentadas nas principais feiras internacionais, como, por exemplo, o uso da cor verde, uma das tonalidades eleitas como tendência para os próximos cinco anos. Idealizado para ser um espaço de convivência familiar, o local conta com móveis confortáveis, revestimentos e elementos que remetem ao conceito de lar. Segundo a arquiteta Rosana Kramer, a concepção do Living tem muito a ver com o que os seus clientes têm pedido frequentemente ao seu escritório. “Vivemos em uma era tecnológica, mas precisamos nos conectar também com os nossos filhos e familiares. A nossa ideia foi criar uma sala aconchegante e com elementos que promovessem a interação”, explica.

Destaques como uma grande mesa de carteado e uma releitura dos bares que sempre estiveram presentes nas salas do passado, o Living foi projetado para facilitar a comunicação entre os usuários do espaço, que apesar de setorizado não possui nenhum tipo de divisória que possa atrapalhar o convívio familiar. Madeira, pedras naturais, paisagismo e um projeto luminotécnico de qualidade complementam a proposta da Kramer Arquitetura/Obras 360º para a CASACOR Brasília.

Entre os principais parceiros, as lojas Claramar (mármore), Criss Air (adegas), Finitura (revestimentos e iluminação), Galeria Referência (obras de arte), Marquesa (adornos), Prima Linea (mobiliário), Protec (sonorização), Romanzza (armários planejados) e Stermaan/Hunter Douglas (cortinas).

Caixa de Memórias

Para o ambiente “Caixa de Memórias”, composto por Sala de Jantar e Living, as arquitetas Clarissa Braga e Manuella Leite privilegiaram mobiliário contemporâneo que traz traços de memórias visuais das casas dos pais, dos avós, referências de infância. “Partimos de uma relação com a mostra, que este ano propõe o tema “Casa Viva”. Com isso, fizemos um exercício de resgate de recordações para alcançar a identidade de quem habita a casa”, afirmam as arquitetas. 

Para o ambiente “Caixa de Memórias”, composto por Sala de Jantar e Living, as arquitetas privilegiaram mobiliário contemporâneo que traz traços de memórias visuais das casas dos pais, dos avós, referências de infância. “Partimos de uma relação com a mostra, que este ano propõe o tema “Casa Viva”. Com isso, fizemos um exercício de resgate de recordações para alcançar a identidade de quem habita a casa”, afirmam as arquitetas.   O exercício de memória é estimulado pelas arquitetas por meio de uma instalação composta de caixas e baús. “A proposta é aguçar a curiosidade dos visitantes e com isso reavivar lembranças e sensações, que remetam a um passado em que eles se reconheçam”, completam as profissionais.   O mobiliário que compõe a decoração remete à história do design brasileiro com peças de Bruno Facuz, para Saccaro, inspiradas em Joaquim Tenreiro, e do design autoral de Pedro Franco. A iluminação indiretade arandelas e lustres que permitem espaços livres fazem remontam às primeiras residências modernistas. O color block presente no ambiente traz cores marcantes e vivas, que aliadas ao piso original de taco, cria um ciclo virtuoso do estilo de morar brasileiro.

Conhecendo a Casa Cor 2018

O exercício de memória é estimulado pelas arquitetas por meio de uma instalação composta de caixas e baús. “A proposta é aguçar a curiosidade dos visitantes e com isso reavivar lembranças e sensações, que remetam a um passado em que eles se reconheçam”, completam as profissionais. 

O mobiliário que compõe a decoração remete à história do design brasileiro com peças de Bruno Facuz, para Saccaro, inspiradas em Joaquim Tenreiro, e do design autoral de Pedro Franco. A iluminação indiretade arandelas e lustres que permitem espaços livres fazem remontam às primeiras residências modernistas. O color block presente no ambiente traz cores marcantes e vivas, que aliadas ao piso original de taco, cria um ciclo virtuoso do estilo de morar brasileiro. 



Veja mais ambientes da Casa Cor 2018 que visitei:

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018


Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018


Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018

Conhecendo a Casa Cor 2018


Separe 2 horas do seu dia para visitar a casa. Se quiser um pitstop em um dos restaurantes da Casa Cor 2018, separe mais tempo, pois você vivenciará bons momentos!!


Casa Cor Brasília 2018
Visitação: De terça a sexta, das 15h às 22h
                 Sábado, domingo e feriado, das 12h às 22h
Endereço: Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 1, número 975
Entrada: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia)
Classificação indicativa: Livre para todos os públicos

Informações: Voga Assessoria e Dariane Vale 
DARIANE VALE - MODA E GESTÃO
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL