Seu negócio: Tendências para as Vendas em 2016

Tempo de leitura: 1'20'' 



Já deu pra perceber o quanto o ano está sendo desafiador em todas as áreas. O desafio pode ser parte de grandes oportunidades para quem quiser vencer, isto é, para quem está preparado para isto.

Tendências para as Vendas em 2016

Selecionamos algumas dicas, dadas por especialistas e aprovadas por mim, que estou diariamente com empresas – e pessoas - buscando oportunidades e até mesmo estratégias, e acredito que podem impactar a vida e a venda dos profissionais dos mais diferentes ramos.

Foque na experiência do cliente: ainda que sejamos bombardeados o tempo todo com o termo "experiência", na prática ainda são muito poucas as empresas e profissionais que verdadeiramente têm focado seus esforços em criar as melhores experiências para seus clientes.

E, para criar as melhores e mais inesquecíveis experiências a cada um dos nossos clientes, entender profundamente as necessidades e desejos deles nunca foi tão fundamental e crucial quanto agora. Faça isso com pesquisas e transforme cada interação com seu cliente em uma oportunidade para "aprender" e questionar sobre novas e emergentes necessidades.

A partir deste entendimento, é fundamental adequar melhor seus produtos e serviços às demandas deste "novo cliente", pois, se não o fizer, certamente o seu concorrente fará e tomará seu lugar.

Aliás, penso que você vai concordar comigo que os clientes mudaram rápida e drasticamente ao longo dos últimos anos. Eles se tornaram incrivelmente mais exigentes, muito menos pacientes às ultrapassadas e caras estratégias de propaganda e publicidade tradicionais (anúncios em TVs abertas, por exemplo). Além disso, eles têm sido abordados por concorrentes cada vez melhores e muito mais agressivos.

E daí você para e pergunta: "E como eu posso incrementar as experiências que tenho oferecido aos meus clientes?". De forma resumida: customização e personalização.

Customize o quanto puder o relacionamento com cada um dos seus clientes e torne as suas relações com eles as mais humanizadas e personalizadas que puder. Mesmo diante de um mundo mais conectado e "social", nunca nos sentimos tão abandonados e desprezados pelas empresas com as quais nos relacionamos quanto agora.

Conecte-se com seu cliente de corpo, mente e alma e transforme a experiência que ele vive com você e com sua empresa no seu mais importante e defensável diferencial competitivo. 
Como costumo dizer em todas as minhas palestras: a principal responsabilidade das organizações e profissionais modernos é transformar seus clientes em fãs! 
Lembre-se: não é o preço, é a experiência. 
Dica: pode começar com detalhes perceptíveis, como um cheirinho específico na sua loja, ou uma embalagem personalizada, ou um email (ou whatsapp) de agradecimento pela visita ou pela compra.

*texto com adaptações José Ricardo Noronha