{Gestão} Voce acredita em público-alvo?

Voce acredita em publico alvo?

Em uma reportagem incrível com Massimiliano Giornetti, que está a frente da direção criativa da Ferragamo há 15 anos, um dos pontos que me chamou a atenção foi o seu posicionamento em relação aos desafios diários de quem está no mundo da moda desde criança. 
Ele sempre trabalhou em ambiente criativo; no entanto, na fase atual, não viaja para buscar referências nem procura inspiração, como a maioria dos estilistas fazem. Ele usa apenas as lembranças, os momentos, as pessoas, os sonhos e fantasias, ativando sempre a sua curiosidade em relação a tudo ao seu redor para criar novas coleções.
Voce acredita em publico alvo?

A direção criativa da marca é um trabalho de muita responsabilidade, não apenas na criação, mas na supervisão de todos os elementos do negócio. Tudo tem uma base de referência para criar um estilo de vida que é transmitido através das suas coleções.
Voce acredita em publico alvo?

Público-alvo

O diretor criativo da Ferragamo não acredita mais em público-alvo. Ele acredita no bom gosto, na mistura de tradição e modernidade, mas também na excelência de trabalho. As pessoas estão interessadas na beleza e na estética; a moda vai muito além de target e idades.
A marca criou uma ideia geral de modernidade, sem deixar de representar seus valores.

Não podemos generalizar a trazer a mesma ideia para o mercado brasileiro, que é vasto e tem inúmeras opções, gostos e estilos. Cada marca é um case de estudo, cada uma com o seu publico, seu valor e principios. E você, acredita em publico alvo? Usa ele como estratégia para sua empresa? (Entrevista na Elle Brasil)


Um grande abraço!


Siga nossas redes sociais:

Instagram: @modaegestao
Youtube: Dariane Vale
Periscope: Dariane Vale
Snapchat: Dariane.Vale
Pinterest: Moda e Gestão
LinkedIn: Dariane Vale

Loja on line> www.darianevale.com.br