{Empreendedorismo} As lições de Steve Jobs - Parte 1

Steve Jobs se tornou conhecido e reconhecido mundialmente por revolucionar seis indústrias: computadores pessoais, filmes de animação, música, telefones, tablets e publicações digitais. Além de sua ligação com a Apple, foi diretor executivo da empresa de animação por computação gráficaPixar e acionista individual máximo da The Walt Disney Company.
As lições de Steve Jobs

Como sabemos, ele é um grande “guia” para muitos empreendedores, e suas lições são difundidas ao redor do mundo, principalmente em escolas de empreendedorismo.
São dicas fundamentais para quem quer começar a ter a mente empreendedora, ou para quem já está nesta área tão amada.
Estas lições são do livro “A Cabeça de Steve Jobs”, resumidas pelo Espaço ERP e que seguimos e compartilharemos em 5 posts, cada um com 13 lições!


Lições de Steve:

1.   Trabalhe. Arregace as mangas e comece a trabalhar imediatamente.
2.   Encare as decisões difíceis. Jobs tem que tomar algumas decisões difíceis e dolorosas, mas encara a situação.
3.   Não se deixe levar pelas emoções. Avalie os problemas da sua empresa de forma objetiva.
4.   Seja firme. De forma alguma seria fácil, mas Jobs foi firme e justo quando voltou à Apple e começou sua drástica reorganização. Sabia o que tinha que ser feito. Levou o tempo necessário para explicá-lo e esperava que os funcionários seguissem suas diretrizes.
5.   Busque informação; não faça suposições. Faça uma inspeção completa da empresa e baseie suas decisões em dados, não em suposições. É duro, mas justo.
6.   Busque ajuda. Não coloque toda a carga sobre as próprias costas. Jobs pede a ajuda da companhia e a obtém. Os gerentes ajudam a carregar o peso de eventuais cortes.
7.   Foco significa dizer “não”. Jobs concentra os recursos limitados da Apple em um pequeno número de projetos que ela pode executar bem.
8.   Mantenha o foco: não dê margem ao excesso de funções. Mantenha as coisas simples, o que é uma virtude em um mundo de tecnologia excessivamente complexa.
9.   Concentre-se naquilo em que você é bom; delegue todo o resto. Jobs não dirige filmes de animação e nem namora Wall Street. Ele se concentra naquilo em que é bom.
10.          Seja um déspota. Alguém tem que dar as ordens. Jobs é o grupo de foco de um só homem da Apple. Não é assim que as outras empresas fazem, mas funciona.
11.          Gere alternativas e escolha a melhor. Jobs insiste em ter opções.
12.          Crie os projetos pixel a pixel. Desça até os mínimos detalhes. Jobs prestava atenção aos detalhes. Você também deve fazer isso.
13.          Simplifique. Simplificar significa despojar. Aí está, mais uma vez, o foco de Jobs: simplificar significa dizer “não”.

São lições que o levaram ao sucesso e que poderão te levar também!!
Sabemos que o sucesso não é de um dia para o outro, como muito se fala por aí. Ele é construído lentamente, passo a passo, com firmeza e dedicação.
Uma ótima semana para você, e acompanhe as próximas lições de Steve Jobs aqui, na próxima semana! Beijos!

Conheça a nossa loja virtual


Conheça nosso instagram


Conheça os nossos serviços!

Livro: A Cabeça de Steve Jobs
Autor: Leander Kahney
Editora: Agir (Texto de Espaço ERP)