Conversinha Fashion: Qual história você quer contar?


Acompanho diariamente o site Conversinha Fashion, e compartilho com vocês o que a querida Amanda Medeiros, consultora de estilo, escreveu.
Cada look é uma escolha, uma decisão. Bolamos, ainda que sem pensar, formas de contar ao mundo o que estamos sentindo, como estamos passando e o que queremos para nossa vida. Ainda que inconscientes, essas escolhas guardam seus mistérios e, dessa forma, sua enorme importância. Não podemos deixar a correria do dia-a-dia, ou mesmo a preguiça (e o guarda-roupa repleto de peças batidas) abalarem nossa auto-estima. Não há acontecimento cotidiano que justifique desleixo. Vale ficar atento a cada história que sua roupa conta e, claro, se ela está passando as mensagens que você quer passar.
Pode-se pensar em ser competente, responsável, séria e focada. Para tal basta apostar em modelagens um pouco mais estruturadas, alfaiataria, tons neutros e decotes fechados.


 Pode-se investir em um visual criativo, ousado, cheio de vida, basta pensar em cores vibrantes, aplicações, acessórios chamativos, contrastes de texturas.

Para a elegância, cheia de requinte e refinamento, entram os acessórios de peso (como relógio e óculos) acompanhados de peças de corte impecável, levemente acinturado, em tecidos de alta qualidade.

Se a ideia é ser sexy, marcante, envolvente, não pode faltar algum tipo de decote, algum tecido de acabamento acetinado, cores quentes, maquiagem com olhos ou boca marcada e um belo salto alto.

São mensagens conhecidas, que podemos controlar pela lógica da expressão de cada tipo de peça, de cada composição de detalhes. Dominar esses códigos, ou ao menos ter um certa noção da existência deles, é importante para estar sempre ciente de tudo o que está acontecendo com o seu visual. Assim, vale contar suas histórias, adequadas a cada ocasião.

Fonte: Conversinha Fashion