Homenagem

Você já pensou em como homenagear sua mãe?
Carrego comigo a idéia de que não devemos abraçá-la e cercá-la de carinho somente no dia dedicado à ela, mas todos os dias de nossa vida.
Valorização: essa é a palavra.
Seja perto ou longe, valorize-a, respeite-a, afinal, você existe porque ela te gerou e com certeza te deu muito amor!
Mulher de uma grandiosidade infinita de sentimentos. Nós a chamamos por esta palavra tão pequena, Mas que é o sinônimo de outra pequenina, Que também exprime o maior dos sentimentos, o "AMOR".
Sua vida, já não lhe pertence. Se abdicou dela, ao colocar-nos no mundo. A sua felicidade é vislumbrada a cada uma De nossas vitórias e conquistas. E sentimos que esta felicidade cresce, ao darmos continuidade ao que ela um dia começou.
Mulher forte, destemida e batalhadora. Guarda para si, as suas angústias, Procurando sempre nos poupar, evitando nos preocupar e Buscando dentro de si, forças, para ainda, nos ajudar. Com seus gestos, palavras, carinhos, Ou até mesmo dando-nos o seu colo.
Faz sentir-se presente a todo instante, passando-nos a certeza de que, neste mundo para o qual ela nos trouxe, jamais nos abandonará, e que ela é a nossa maior aliada, em qualquer circunstância ou adversidade que a vida nos apresentar.
Foi escolhido um dia para rendermos nossa homenagem a você "Mãe",
Mas sabemos que o seu dia, são todos, pois o seu amor por nós, não mede dia, hora nem lugar para nos ser ofertado.
Deixo aqui a minha singela e sincera homenagem pelo dia de hoje.
Mas saiba que em meus pensamentos e em meu coração, eu a tenho a todo instante:
"MINHA MÃE QUERIDA, SÍMBOLO DE AMOR. QUE DEUS ESTEJA CONTIGO HOJE E SEMPRE. ÉS PARA MIM A MAIOR, ENTRE TODAS AS MULHERES E PESSOAS. SOU PRIVILEGIADA POR TER VINDO DE VOCÊ. MINHA MÃE, A MELHOR DO MUNDO. OBRIGADA POR TUDO O QUE FEZ POR MIM, O QUE SOU HOJE AGRADEÇO À VOCÊ. MAS AGORA, É A MINHA VEZ DE LHE DIZER QUE ESTOU AQUI, E SEI QUE ESTÁS COMIGO SEMPRE, EM TODOS OS MOMENTOS DA MINHA VIDA."
Finalizando, pela primeira vez escrevo no blog sobre minha mãe.
Ela faleceu há 11 anos, eu tinha 17 anos na época. Foi uma realidade muito difícil de aceitar, e hoje é o único espaço vazio da minha vida, mas consegui rechear com as boas lembranças e ensinamentos da maior pessoa da minha vida. Hoje e sempre.